CURIOSIDADES


1.     Voce sabe quais são as postagens mais acessadas de nosso Blog?   Confira:

31/10/2011
444
19/10/2011, 3 comentários
332
20/07/2012, 6 comentários
318
03/02/2012, 3 comentários
293
22/07/2012
215
13/10/2011
156
13/07/2012, 3 comentários
129
03/09/2012
122
01/02/2012, 4 comentários
117
03/09/2012
107

Observação:  A historia da família Oliveira tem despertado mais curiosidade que a da família Gibson.


2.     Você sabe qual a origem do principal público de nosso Blog? 


Brasil
8837
Estados Unidos
1632
Reino Unido
552
Ucrânia
227
França
186
Portugal
183
Alemanha
77
Rússia
68
China
44
Argentina
15


Disparado, nosso principal público está no Brasil. Mas como explicar Ucranianos, Russos e Chineses interessados no nosso Blog?        ALÔ, VOCÊS!  FAÇAM CONTATO CONOSCO!

Em tempo: hoje, dia 03.11.12 as 11:00 hs aqui em MG, tenho a seguinte estatistica de acessos realizados hoje:


Estados Unidos
14
Brasil
7
Ucrânia
7
Alemanha
1
Reino Unido
1


A curiosidade é grande: quem na Ucrania tem tanto interesse em nosso Blog? O acompanhamento é constante. Gostaria que este "ucraniano" fizesse contato conosco e esclarecesse a charada.



3.     Será que a família Gibson é única no Brasil? 
    Não. Existem os Gibsons do norte cujo ancestral - Edward Gibson, veio para o Brasil da América Central e aqui foi minerador. Faleceu jovem. Outros Gibsons, residentes no interior de São Paulo, vieram dos EEUU quando ocorreu a libertação dos escravos lá. Eram fazendeiros. Existem ainda mais outros Gibsons, com outras origens.



4.     Você sabia, que foram 02 ingleses, ambos chamados HENRY GIBSON que vieram de Great Harwood e se fixaram em Recife?  E que ambos se casaram com 02 irmãs, filhas de Jose Antonio de Oliveira e Maria da Conceição de Araujo?


      Sabemos que um sobrinho de Henry – Henry Gibson Greaves, foi trago da Inglaterra pelo Henry em 1853, com 19 anos de idade. Em 1871, aos 37 anos, casou com uma das irmãs de Alexandrina, a Hermínia Josephina de Oliveira. Henry Gibson Greaves faleceu em Recife em 1882 aos 48 anos de idade. Desconhecemos descendência.


     5.     Você sabia, que provavelmente não existe mais ninguém da família Gibson residindo em Great Harwood?

         Parece que nossa familia "acabou" em Great Harwood. Estive lá em 1980 e  depois de muito procurar, fiz contacto com um jovem que era filho de uma Gibson. Ele não herdou o sobrenome. Mas herdou o gosto pela política: era Conselheiro Municipal pelo Labor Party. Equivale a vereador. Bob Calvert nascido em GTH e residente próximo, não conhece nenhum Gibson que more lá. Sonia Spencer, casada com um Gibson comprovadamente nosso parente, também não tem noticia de nenhum Gibson em GTH. Eles mesmo, moram em uma outra cidade, próxima.


     6.     Você conhece a assinatura do nosso Henry Gibson?  

     Aí está ela! Foi extraida por Bob Calvert das correspondências comerciais de Henry Gibson com a Empresa "Owen & Owens, Co.". As cartas estão arquivadas na Biblioteca John Rylands, em Manchester




      7.     A história se repete: em 1840, Jonathan Gibson estava preso na cadeia de     Great Harwood. Exatos cem anos depois, em 1940, encontramos João Gibson (temos que escrever a biografia deste nosso tio avô. Cadê você, Rosinha?) cumprindo pena no Presidio da Ilha de Fernando de Noronha. Ambos cometeram
o mesmo crime. Sabem qual foi?  

Ambos defenderam posição ideológica similar, de esquerda. Jonathan foi cartista (sindicalista da época) e João foi comunista. Ambos lutaram por suas convicções, foram presos, perseguidos e finalmente tiveram que mudar de cidade.

Um comentário:

  1. Fiquei deveras interessado quanto à origem Simões e Oliveira. Simões do meu pai, nascido em Pernambuco, e minha mãe Oliveira nascida em Sergipe.

    ResponderExcluir